Peru e Chile vão se cruzar nesta sexta-feira, 21 de junho, pela primeira rodada da fase de grupos da Copa América de 2024, em duelo do Grupo A. O apito inicial está previsto para às 21h (horário de Brasília) no AT&T Stadium, na cidade de Arlington, nos Estados Unidos. Peruanos e Chilenos fazem um confronto (teoricamente) direto pela segunda vaga do grupo.

Palpite para Peru x Chile:

De olho no que temos visto recentemente das seleções, podemos chegar à conclusão de que:

Chile vence a partida

Apesar de o Peru vir atravessando um período de invencibilidade, é inegável que seu elenco seja um pouco mais limitado do que o da seleção do Chile, que conta com jogadores bastante experientes. Fora que os chilenos também vêm em um momento positivo, tendo dado trabalho para a poderosa França há poucos meses. Por isso, o palpite é de uma vitória do Chile.

Faça suas apostas na Copa América usando o código promocional Betano.

Como o Peru chega para o jogo

O Peru chega para a disputa da Copa América ostentando uma invencibilidade interessante. Em 2024, a seleção disputou um total de quatro partidas, com três vitórias e um empate que, somando com a igualdade com a Venezuela no seu último compromisso de 2023, são cinco jogos sem perder.

Sua partida que encerrou a preparação para a Copa América foi um triunfo de 1 a 0 sobre El Salvador, graças a um solitário gol de Flores, aos 17 minutos do primeiro tempo. Este período sem derrotas do Peru acaba ficando em contraste com sua performance nas Eliminatórias para a Copa do Mundo, onde os peruanos estão isolados na última colocação, com apenas dois pontos somados em seis partidas.

Como o Chile chega para o jogo

Assim como os peruanos, o Chile não faz uma boa campanha nas Eliminatórias e, mesmo com mais vagas, está fora da zona de classificação, com cinco pontos somados até então. Por isso, fazer uma boa apresentação na Copa América pode significar uma ‘virada de chave’ para os chilenos na busca por uma vaga na Copa de 2026.

Neste ano, a seleção do Chile disputou um total de três confrontos amistosos, saindo com um saldo positivo. Primeiro, superou a complicada Albânia por 3 a 0. Depois, fez jogo duro contra a França, mas acabou perdendo por 3 a 2. Por fim, no último compromisso antes da Copa América, venceu bem o Paraguai, também por 3 a 0.