Fim de ciclo no Corinthians

Após a saída de Cássio, Paulinho era o último remanescente da equipe vitoriosa do ano de 2012 pelo Corinthians. O meia já não renovaria com a equipe e, em sua coletiva de despedida nesta quarta-feira (29), revelou que seu ciclo no clube chegou ao fim.

Na manhã desta quarta, no CT Joaquim Grava, Paulinho recebeu diversas homenagens e concedeu uma coletiva de imprensa para se despedir formalmente do clube que defendeu.

Despedida de Paulinho

Na coletiva de imprensa, o camisa 8 ressaltou a importância do clube para o desenvolvimento de sua carreira, bem como valorizou todos os funcionários que fazem parte do dia a dia dos atletas.

Perguntado a respeito de sua decisão por optar em não renovar com o clube, Paulinho revelou que conversou com diretoria, comissão técnica, e chegou a conclusão de que seu ciclo havia se encerrado.

“Eu que tomei a decisão. Precisa ter sabedoria, vi dessa forma. Falamos muitas vezes. Conversei com o mister também. Pensei que foi isso, não tinha outra decisão a ser tomada. Foi que achei que meu ciclo estava no fim. Fiz tudo o que poderia fazer, principalmente dentro de campo e nesses cinco meses”, revelou.

Paulinho ainda tinha lenha para queimar no Corinthians?

Paulinho ainda tinha lenha para queimar no Corinthians?

0 PESSOAS JÁ VOTARAM

A última partida de Paulinho com a camisa do Timão, portanto, foi na vitória da última terça-feira, pela Copa Sul-Americana, em que o Corinthians recebeu o Racing-URU e goleou por 3 a 0. Na ocasião, o camisa 8 entrou na segunda etapa, recebeu a faixa de capitão e foi ovacionado pela torcida corinthiana.

Números finais

Paulinho disputou 219 partidas com a camisa do Corinthians e balançou as redes em 40 oportunidades. O meia venceu o Campeonato Brasileiro em 2011, a Libertadores e o Mundial de Clubes de 2012, além do Campeonato Paulista em 2013.

Reação dos Fanáticos