Não gostou

Pep Guardiola, treinador do Manchester City, fez questão de rebater as críticas de Roy Keane, ícone do rival Manchester United, em relação ao desempenho de Erling Haaland.

Em uma entrevista coletiva prévia ao confronto contra o Aston Villa na Premier League, Guardiola expressou seu desacordo com as palavras de Keane.

Você gostaria de ter Haaland em sua equipe?

Você gostaria de ter Haaland em sua equipe?

0 PESSOAS JÁ VOTARAM

“Eu não concordo com ele. Absolutamente não. Será que ele é um treinador de segunda ou terceira divisão? Não penso assim. Eu fico surpreso quando isso vem de ex-jogadores. A memória desaparece rápido. Eles falharam mil vezes, um milhão de vezes, e ficavam magoados quando eram criticados por ex-jogadores”, rebateu Guardiola.

O treinador também defendeu a importância de Haaland para sua equipe, enfatizando suas habilidades como atacante.

Melhor do mundo

“Ele é o melhor atacante do mundo e nos ajudou a vencer o que vencemos na última temporada. A razão pela qual não criamos muitas chances contra o Arsenal não foi o Haaland. Nós precisamos de mais presença no último terço, com mais jogadores”, explicou Guardiola.

Roy Keane, figura lendária do futebol inglês, teve uma carreira notável como jogador pelo Manchester United, conquistando alguns titulos ao longo dos anos.

Após sua aposentadoria, o ex-jogador ingressou no mundo do futebol como treinador e agora atua como comentarista na Sky Sports.

A troca de comentários entre Guardiola e Keane adiciona mais combustível a uma rivalidade já intensa entre Manchester City e Manchester United, enquanto a discussão sobre o desempenho de Haaland continua a gerar debates acalorados no cenário do futebol.

O que dizem os Fanáticos