Lionel Messi na Árabia

A última janela de transferências surpreendeu o mundo do futebol com a mudança inesperada de Lionel Messi para o Inter Miami, dos Estados Unidos.

No entanto, recentemente, o craque argentino revelou que esteve perto de aceitar uma proposta do Al-Hilal, da Arábia Saudita, que ofereceu cerca de 200 milhões de euros em salários para convencê-lo a se juntar à liga saudita.

Messi deveria ter ido para o futebol árabe?

Messi deveria ter ido para o futebol árabe?

0 PESSOAS JÁ VOTARAM

Em declarações à “TIME Magazine”, Messi admitiu que considerou seriamente a possibilidade de se mudar para a Arábia Saudita. Ele elogiou o país do Oriente Médio por criar uma competição forte, que, segundo ele, poderia se tornar muito importante no futuro próximo.

“É verdade que pensei muito sobre uma mudança para a competição saudita. Conheço o país, eles criaram uma competição muito forte que pode se tornar muito importante no futuro próximo”, afirmou Messi.

Gostou da Arábia

O argentino revelou que considerava a Arábia Saudita como uma boa opção, elogiando os lugares que visitou e observando o crescimento do futebol no país. No entanto, Messi optou por assinar com o Inter Miami, da Major League Soccer (MLS), nos Estados Unidos.

“Por isso era um destino que me atraía. Na verdade, gostei de todos os lugares que visitei lá e o futebol está crescendo no país”, acrescentou ele.

Mesmo com a oferta milionária do Al-Hilal, Messi decidiu seguir para os Estados Unidos, onde já está atuando pelo Inter Miami e conquistando destaque, atraindo muita atenção para o futebol praticado na MLS.

A escolha do craque argentino adicionou um novo capítulo à sua carreira, agora em terras americanas. Resta saber se o craque pretende se aposentar em Miami ou se planeja um novo destino.

O que dizem os Fanáticos