Clima tenso

O clima no Paris Saint-Germain esquentou após a última partida da equipe na Ligue 1 contra o Olympique de Marseille, no domingo (31).

Durante o jogo, Kylian Mbappé, astro do PSG, demonstrou sua frustração ao ser substituído aos 20 minutos do segundo tempo. As câmeras de televisão flagraram possíveis trocas de palavras ásperas entre o jogador e o técnico Luis Enrique.

Mbappé deveria permanecer no PSG?

Mbappé deveria permanecer no PSG?

0 PESSOAS JÁ VOTARAM

Nesta terça-feira (2), em uma coletiva de imprensa às vésperas do duelo contra o Rennes, pela semifinal da Copa da França, Luis Enrique abordou o incidente, negando qualquer desentendimento.

“O curioso é que as notícias são contadas a partir de uma mentira. Tudo o que gera e tudo o que acontece faz parte do jornalismo. Alguém inventou um insulto e daí surgem as especulações. Vivo isso com total tranquilidade, faço meu trabalho da melhor maneira possível. Sei qual é o papel que tenho neste jogo”, afirmou o treinador.

Futuro incerto

O futuro de Mbappé no PSG parece cada vez mais incerto. Com seu contrato válido apenas até junho deste ano, o jogador deve se transferir para o Real Madrid.

Luis Enrique expressou sua esperança de que os últimos capítulos da jornada de Mbappé no PSG sejam positivos: “Adoraria que terminasse bem, para ele e para todos. Estamos todos no mesmo barco e queremos alcançar o sucesso conquistando títulos. É o meu objetivo pessoal e profissional”, disse o treinador.

O Paris Saint-Germain enfrentará o Rennes nesta quarta-feira (3), pela semifinal da Copa da França, com Mbappé entre os onze titulares.

Este confronto se torna ainda mais interessante diante das crescentes tensões entre o jogador e o técnico, tornando-o um ponto focal de interesse tanto para os torcedores quanto para a mídia esportiva.

O que dizem os Fanáticos