Aposentou a camisa

Marcelo Teixeira eleito como presidente do Santos, já anunciou uma medida extrema em entrevista coletiva após a definição do resultado neste sábado(9).

O dirigente afirmou que a camisa 10, eternizada por Pelé, não será utilizada por nenhum jogador enquanto o clube não retornar a elite do futebol brasileiro.

A camisa 10 deveria ser usada normalmente?

A camisa 10 deveria ser usada normalmente?

0 PESSOAS JÁ VOTARAM

“Já antecipo também uma ideia: vamos propor ao Conselho Deliberativo que no Campeonato Paulista vamos atuar normalmente com a camisa número 10. No Campeonato Brasileiro, enquanto o Santos não subir e estar no seu patamar digno, nós não atuaremos com a camisa 10, em memória e honra”, declarou Teixeira.

“Já que este ano tivemos a homenagem ao Rei Pelé, continuaremos nessa missão. Nós voltaremos à primeira divisão e, enquanto não voltarmos, o Santos não vai usar a camisa mais gloriosa de sua história”, acrescentou o presidente.

Primeiro rebaixamento

Diferentemente de suas outras passagens, Teixeira assume o Santos em uma situação caótica após a primeira queda para a Série B no Brasileirão em sua história.

O empresário já havia sido presidente do clube em dois períodos distintos: de 1991 a 1993 e posteriormente entre 2000 e 2009.

Durante seu segundo mandato, o Santos conquistou dois títulos do Campeonato Brasileiro (2002 e 2004), marcando uma geração notável com jogadores como Diego, Robinho, Elano e outros “Meninos da Vila”. Teixeira deixou a presidência em 2009, dando lugar a Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, que foi presidente na conquista da CONMEBOL Libertadores de 2011.

Agora, em sua terceira gestão, Marcelo Teixeira enfrenta o desafio de reconduzir o Santos ao seu patamar histórico na elite do futebol brasileiro o mais rápido possível.

O que os Fanáticos estão falando?