Não gostou

O embate entre LDU e Fluminense continua repercutindo, agora com novas polêmicas alimentadas por declarações inflamadas de ambas as partes.

Desta vez, o presidente da LigaPro Equatoriana, Miguel Angel Loor, lançou comentários provocativos em suas redes sociais, atacando o zagueiro tricolor e desencadeando uma série de reações acaloradas.

Quem vai vencer a partida?

Quem vai vencer a partida?

0 PESSOAS JÁ VOTARAM

Loor foi direto em suas palavras, afirmando que o atleta do Fluminense “deveria ir para o inferno”, intensificando ainda mais a tensão entre os clubes.

Após o jogo, foi a vez de Felipe Melo, capitão do Fluminense, disparar contra a arbitragem, expressando a indignação do clube com o desempenho dos juízes durante a partida.

Mau perdedor

A resposta de Felipe Melo foi contundente: “Se isso acontecesse na LigaPro e envolvesse um jogador local, os jornalistas estariam dizendo de tudo: ‘mimado, arrogante, mau perdedor’ e assim por diante… Não sei o que aconteceu ontem, mas espero que eles não tenham ficado mudos com tantos gritos. Quem quer que seja, não pode falar com eles dessa maneira. Deviam ter mandado esse brasileiro para o inferno imediatamente”, comentou.

Diante dessas declarações, o Fluminense emitiu uma nota oficial repudiando veementemente a postura agressiva do presidente da Liga Profissional de Futebol do Equador, Miguel Angel Loor, em relação a Felipe Melo.

A polêmica em torno da partida segue crescendo, com a Conmebol divulgando um vídeo detalhado do gol marcado no confronto, alimentando ainda mais o debate sobre a atuação do VAR e os acontecimentos controversos que marcaram o jogo.

Enquanto se prepara para o confronto decisivo contra a LDU, o Fluminense tem um compromisso importante contra o Flamengo no Maracanã, antes do jogo de volta da Recopa Sul-Americana, em um final de semana repleto de emoções e rivalidades no futebol carioca.

O que os Fanáticos estão falando?