Desabafou

Em uma franca entrevista ao site The United Stand, o meia-atacante brasileiro Antony abriu o coração sobre as críticas intensas que vem enfrentando durante sua temporada no Manchester United.

Contratado por uma cifra considerável no ano passado, Antony atravessa um período desafiador, sem registrar gols ou assistências em 14 jogos, colocando em dúvidas sua permanência na equipe.

Você gostaria de ter Antony em seu time?

Você gostaria de ter Antony em seu time?

0 PESSOAS JÁ VOTARAM

Além dos obstáculos em campo, o jogador enfrentou problemas extracampo que o afastaram do elenco por um período. Antony foi acusado de agressão por sua ex-namorada, a DJ e influencer Gabriela Cavallin.

Durante a entrevista, o atleta expressou sua frustração diante das críticas que considera desprovidas de racionalidade, vindas tanto da imprensa quanto de ex-atletas que atuam como comentaristas.

Duras críticas

“Hoje, vejo críticas vindas de ex-jogadores do clube e de outras pessoas na imprensa, que expressam suas opiniões sem racionalidade e influenciam milhares de jogadores, até quando não jogo”, desabafou Antony.

“Nunca os vi fazendo uma crítica construtiva, que me ajude a me tornar um profissional melhor. Nenhum deles nunca me mandou uma mensagem para saber como estou me sentindo, especialmente durante este período de turbulência que estou passando.”

Antony também reconheceu as dificuldades enfrentadas pelo Manchester United nesta temporada, salientando o grande número de desfalques no elenco. Ele expressou otimismo com a volta do técnico Erik ten Hag a ter seu elenco completo, prevendo uma melhora significativa nos resultados.

“A temporada não é tão boa quanto gostaríamos. Estamos instáveis. Mas perdemos muitos jogadores lesionados, peças fundamentais no xadrez do Erik ten Hag”, argumentou Antony.

“Com a volta de parte do elenco, vamos melhorar, e os resultados melhorarão”, concluiu, destacando a confiança em uma reviravolta positiva para a equipe.

O que os Fanáticos estão falando?