Na mira

Por conta da acusação da Federação Inglesa de Futebol (FA) sofrida por Lucas Paquetá, por conta de manipulação de jogos para apostas, o Manchester City recuou e decidiu mirar em outro meio-campista para reforçar seu elenco.

Com o problema vivido por Lucas Paquetá, outro brasileiro entrou no radar dos Citizens. Trata-se de Bruno Guimarães, atualmente jogador do Newcastle. O fato dos Magpies estarem com problemas financeiros pode pesar para que a proposta seja aceita.

O City deve contratar Bruno Guimarães? Dê seu palpite!

O City deve contratar Bruno Guimarães? Dê seu palpite!

0 PESSOAS JÁ VOTARAM

No entanto, o Newcastle quer lucrar alto com a venda do meio-campista brasileiro, que vem se destacando desde que chegou ao clube. O valor da multa rescisória de Bruno Guimarães é de 100 milhões de libras (R$ 684 milhões).

Não concorda

De acordo com o jornalista Rob Dawson, da “ESPN”, o Manchester City irá abrir negociações com Bruno Gruimarães se o jogador pedir para deixar o Newcastle. No entanto, os dirigentes dos Citizens acham que R$ 684 milhões é um valor muito elevado.

Ainda segundo a mesma fonte, os Citizens não devem fazer grandes contratações nesta janela de transferências. Com um elenco bem qualificado, a ideia é investir em algum novo jogador somente se algum atleta pedir para deixar o clube, pois aí precisariam de uma peça para reposição.

Carreira

Bruno Guimarães se profissionalizou pelo Osasco Audax. Na equipe paulista, foi treinado pelo técnico Fernando Diniz, atual técnico do Fluminense, campeão da Libertadores de 2023, e que dirigiu a seleção brasileira por um breve período.

As atuações no Osasco Audax chamaram a atenção do Athletico Paranaense. Em seguida, teve sua primeira experiência na Europa, no Lyon, da França. Na temporada 2021/22, foi contratado pelo Newcastle.

O que dizem os fanáticos?