Santos precisa resolver dívida com Bustos

A diretoria do Santos, sob o comando do presidente Marcelo Teixeira, pretende voltar ao mercado da bola para seguir qualificando o elenco de trabalho do técnico Fábio Carille.

No entanto, antes de anunciar contratações, o Clube precisa resolver o “caso Bustos”. Uma dívida com o ex-treinador gerou uma punição de Transfer Ban pela Fifa, que impede o Peixe de registrar reforços.

Para qual setor o Santos mais precisa de reforços?

Para qual setor o Santos mais precisa de reforços?

0 PESSOAS JÁ VOTARAM

O Santos deve R$ 4 milhões ao técnico Fabián Bustos, que passou pela Vila Belmiro em 2022. A diretoria busca parcelar o valor, enquanto o argentino deseja receber à vista.

Apesar de terem evoluído nos últimos dias, as conversas ainda estão longe de um desfecho positivo. Em meio a tudo isso, o Clube está de “mãos atadas” no mercado da bola.

Santos tem prioridades definidas

De acordo com informações publicadas pela reportagem do site UOL Esporte, o Peixe tem pressa para que o Transfer Ban seja derrubado e, consequentemente, o Clube possa voltar a registrar atletas.

Apesar da longa lista de reforços já anunciados, o Santos ainda tem prioridades muito bem definidas. O objetivo do departamento de futebol é contratar um ponta direita e um centroavante.

Pelo lado direito, o time idealizado por Carille conta com Pedrinho, que ainda não se firmou. Além dele, Otero aparece como alternativa – aposta para a posição, Marcelinho não vem bem.

Já na referência do ataque, Willian Bigode e o estrangeiros Julio Furch e Morelos disputam uma vaga. Neste caso, Bigode não correspondeu como 9 e Morelos ainda demanda de tempo para adquirir ritmo. Já Furch é visto como opção para a segunda etapa.

O que dizem os fanáticos