Assuntos importantes

O Corinthians tem vivido uma semana agitada. Foco no próximo duelo do Campeonato Paulista, expectativa pela estreia de Coronado, situação polêmica envolvendo Matías Rojas e o assédio de um de seus jogadores, por exemplo.

No Campeonato Paulista, a equipe ainda busca a classificação para a próxima fase e precisa vencer o Santo André, no sábado (2), às 16h (horário de Brasília). Além de vencer os dois últimos compromissos, precisa torcer por uma combinação de resultados.

Você concorda com os valores para negociar o jogador?

Você concorda com os valores para negociar o jogador?

0 PESSOAS JÁ VOTARAM

Siga o canal do Somos Fanáticos no WhatsApp

Rojas é uma situação mais complicada. O jogador alega não pagamento dos direitos de imagens e deseja deixar o Corinthians.

Porém, outro assunto que tem sido levado a sério dentro do clube é o assédio de outras equipes com um de seus jogadores: Wesley.

De olho no mercado

Destaque da equipe neste ano, o jovem jogador de 18 anos já chama atenção do mercado externo. Ele recebeu sondagens de clubes estrangeiros, mas o Corinthians deve fazer jogo duro para liberar o jogador.

De acordo com o portal “Meu Timão”, apesar do interesse de algumas equipes, o clube alvinegro não pretende liberá-lo por um valor menor que a multa rescisória, avaliada em 100 milhões de euros (aproximadamente R$ 537 milhões). Vale lembrar que Wesley possui contrato com o Corinthians até agosto de 2027.

Nesta temporada, o jogador participou de 11 partidas disputadas pelo Corinthians, com dois gols marcados e uma assistência.

Desde a chegada de António Oliveira, ele foi titular nas cinco partidas, com um gol contra o Botafogo-SP e uma assistência contra o Cianorte, além de criar a jogada de outro gol contra a equipe paranaense.

O que os fanáticos estão dizendo?